Quem sou eu

Minha foto
São Paulo, SP, Brazil
Apaixonado por literatura!

sábado, 19 de fevereiro de 2011

DISTRAÇÃO

 Foi-se o crepúsculo em silente prece...
O sol descente... a natureza fria...
Imperceptivelmente acaba o dia
e a noite cresce!

Sob a planura do sombrio véu
exibem-se as estrelas luminosas
e cobre-se de alegres nebulosas
o escuro céu!

E o viajante, indiferente a tudo,
nem se dá conta da sutil beleza
deste espetáculo divino e mudo
da natureza!

Um comentário:

  1. Crepúsculo esta hora mágica onde todas as cores se misturam...
    Muito belas páginas, Roberto.
    Gostei de passear pelos teus versos.
    Abraços

    ResponderExcluir