Quem sou eu

Minha foto
São Paulo, SP, Brazil
Apaixonado por literatura!

sábado, 19 de fevereiro de 2011

DISTRAÇÃO

 Foi-se o crepúsculo em silente prece...
O sol descente... a natureza fria...
Imperceptivelmente acaba o dia
e a noite cresce!

Sob a planura do sombrio véu
exibem-se as estrelas luminosas
e cobre-se de alegres nebulosas
o escuro céu!

E o viajante, indiferente a tudo,
nem se dá conta da sutil beleza
deste espetáculo divino e mudo
da natureza!

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

ANCORADOURO

Eu sou um barco à deriva,
singrando num mar bravio;
sou aquele que se esquiva
da mansuetude do estio.

Vou na contramão de tudo,
negando meu próprio ser;
jamais me engano ou me iludo
com gestos de bem-querer.

Eu tenho profundo gosto
por intermináveis fugas,
e trago expostas no rosto
as marcas de antigas rugas.

Mas, agora, minha amada...
Agora que te encontrei;
desta vida desregrada,
se ainda gosto, não sei.

Senti o toque gostoso
da tua terna acolhida
e esse abraço carinhoso
que me deixa sem saída.

Descobri o que é saudade
e o que é ter alma doente...
Agora sou só metade
quando te encontras ausente.

Agora tu és meu porto
e eu sou um barco parado;
às ilhargas do teu corpo
eternamente atracado!